MENU

terça-feira, 28 de maio de 2013

Segue-me


Mt. 9:9 

Int. Me chamou muito a atenção de uma reportagem que uma organização holandesa, a Mars One, informou que, em breve, abrirá inscrições para voluntários que quiserem colonizar o planeta Marte.
Mas há uma particularidade: a passagem será apenas de ida. Mesmo assim, a empresa já recebeu dados de milhares de possíveis candidatos a colonos.
Uma  viagem absurda, sem volta, onde quase nada se sabe a respeito do os espera em Marte.
Uma verdadeira odisseia para verdadeiros aventureiros que não tem nada a perder! 

C.M. Mateus era um coletor de impostos: Os cobradores de impostos judeus a serviço do império Romano eram chamados de publicanos. Em vários textos da Bíblia essas pessoas eram comparadas aos piores tipos de gente as pessoas os viam como uma espécie de traidores, pois trabalhavam para o império Romano, que as dominava com violência. impostos abusivos que eram cobrados pelo império, trazendo muitas dificuldades à população e não trazendo benefícios ao povo.
O que impede as pessoas de aceitarem a Jesus?
1-      Mateus quando Jesus o chamou imediatamente começou a segui-lo.
Deixando para trás tudo, dinheiro, reputação, opinião alheia, etc.
2-      Não se importou com a opinião dos amigos: Ele tinha muitos amigos, na festa que dera em sua casa para Jesus havia muitos deles V10. Mateus agora estava disposto a seguir Jesus  mesmo diante de fortes argumentações contrarias por parte de amigos, família.
3-      Deixou tudo para o seguir: No Evangelho de Lucas 5:28 diz que ele deixou tudo e o seguiu. Veja bem, Mateus abriu mão de tudo. Ficou protelando, primeiro vou terminara a faculdade, vou casar, primeiro vou deixar defumar ou beber, vou dar mais um tempo, não.
Mateus simplesmente abril mão de tudo para seguir a Jesus porque acreditava que valia a pena.
Ele não apenas foi fazer um teste drive, ele entregou sua vida, sua família, sua vontade para Jesus cuidar.
Tem muita gente protelando, o ano que vem, depois de...
Mateus com muita convicção entregou sua vida totalmente a Jesus.
Ele escreveu o evangelho que leva seu próprio nome que traz uma mensagem que transforma vida até hoje.
Depois da morte de Jesus, Mateus saiu de Jerusalém por causa das perseguições. Foi para a Etiópia e Egito e contagiou os povos dessas nações com os sonhos do seu mestre. Recebeu por isso um pagamento cruel. Hircano, o rei, mandou traspassá-lo com uma lança.
Ele deu sua vida em prol doreino de Deus porqueachava que valia apena e por istonunca desistiu.

C. Quatro décadas depois da sua morte, um corredor desconhecido da Escócia chamado Eric Liddell se tornou um nome famoso depois do filme ganhador de vários Oscars, "Carruagens de Fogo", que mostrou seus feitos heróicos nos jogos olímpicos de 1924. O filme mostrou as fortes convicções cristãs de Liddell, seu espirito competitivo que foi prejudicado por seu amor a Deus e sua decisão de não participar da corrida dos 100 metros porque ela foi marcada para o domingo, um dia que ele acreditava ser de descanso para os cristãos.
  Mais tarde , Liddell surpreendeu o mundo esportivo ao competir e ganhar a corrida dos 400 metros olímpicos, um evento do qual ele não tinha planejado participar. O ator que fez o papel de Liddell no filme, Ian Charlesson, disse: " O que eu admirava nele era a sua serenidade, toda a minha personalidade mudou enquanto eu estava fazendo o seu papel. Eu me tornei mais calmo."
  Depois de sua vitória olímpica, Liddell voltou para a China onde continuou seu trabalho como missionário cristão. Quando a guerra começou, ele e outros ocidentais foram presos por topas japonesas. Durante os dois anos no campo, não teve nenhum contato com sua esposa e filhos. Liddell trabalhou longas horas, sem reclamar, para organizar um programa esportivo e recreativo para os jovens. Procurou ajudar as pessoas de todas as formas possiveis e ainda instuía estudantes à noite.
  Já no período final da guerra Liddell morreu lutando contra um tumor no cérebro. Ele morreu da mesma maneira que correu, conquistando cada centímetro, com uma paz profunda no seu espírito. Annie Buchan, uma amiga, estava com ele quando morreu. Antes de entrar em coma do qual ele nunca mais sairia, Liddell,  disse à sua amiga: " Annie, é necessário uma entrega total" .
Eric Liddell sabia por experiência própria o tipo de paz que Jesus prometeu àqueles que o seguem, você pode ler sobre essa paz em João 14.15-29.
Viva uma vida que vale a pena viver.

Deus o abençoe!

Pastor Luciano Silveira

PALAVRA DE VIDA